16.4 C
Caminha Municipality
Terça-feira, 25 Junho, 2024
spot_img
InícioRubricasMáquina DescreverHá Mil Anos que Não te Via - Alexandra Solnado

Há Mil Anos que Não te Via – Alexandra Solnado

A ligação que sentem… é como se se conhecessem desde que o mundo é mundo e Deus inventou as almas.

Alguma vez teve uma sensação assim? De, ao conhecer alguém pela primeira vez, ter a certeza de a conhecer desde sempre? Alguém de quem não consegue afastar os olhos, o pensamento ou o coração?

Há Mil Anos que Não te Via é uma empolgante narrativa espiritual, que conta a história de um amor kármico. Pietro é um jovem sensível e sonhador, oriundo de uma humilde família da Toscana, que parte para Roma, para estudar História de Arte. Inês, nascida no bairro lisboeta da Ajuda, é inteligente, responsável e sobretudo ambiciosa, uma autêntica «guerreira».

Não podiam ser mais diferentes.  Mas uma força inexorável e inescapável atravessa o próprio tempo para os juntar… Pietro e Inês vivem, ao longo de séculos, gerações e encarnações, um dramático e poderoso amor, que atravessa as fronteiras do próprio tempo. Roma, Lisboa e Sintra são os idílicos cenários deste irresistível, contagiante e mágico amor, que conta com as sábias e bem humoradas intervenções de um Anjo «consagrado em alminhas resistentes». Uma história que pode ser verídica e… que pode estar a acontecer neste momento.

É um romance único na forma como aborda experiências de vidas passadas e revela, através uma escrita acessível e prática, como estas interferem na vida actual. Esta é a grande exclusividade deste livro, empolgante desde a primeira página. É o único romance baseado em factos reais de como a memória de vidas passadas pode levar a doenças, ataques de pânico ou descompensação emocional caso uma pessoa entre em negação ou, se o processo for aceite e integrado, levar a uma vida incrivelmente plena. Uma história extremamente original, de um amor profundo que toca a essência das várias vidas, a permanência do amor em todas elas. É um romance acerca do amor eterno, aquele que não morre, nem com a morte física dos amantes. Aquele que se perpetua através dos tempos.

“Há Mil Anos que Não te Via”  já está à venda na Tabacaria Gomes em Caminha.

- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Mais Populares