22.1 C
Caminha Municipality
Sexta-feira, 12 Abril, 2024
spot_img
InícioNotíciasEconomiaEconomia:Inflação abranda em fevereiro pelo 3.º mês consecutivo na zona euro e...

Economia:Inflação abranda em fevereiro pelo 3.º mês consecutivo na zona euro e União Europeia

taxa de inflação homóloga abrandou em fevereiro, pelo terceiro mês consecutivo, para os 8,5% na zona euro e os 9,9% na União Europeia (UE), segundo dados esta sexta-feira divulgados pelo Eurostat.

Na zona euro, o serviço estatístico europeu confirma o valor avançado na estimativa rápida (8,5%), que se compara com os 8,6% de janeiro e os 5,9% de fevereiro de 2022.

Na UE, a taxa de inflação anual foi de 9,9% em fevereiro, face aos 10,0% do mês anterior e os 6,2% do homólogo.

Este é este o terceiro recuo consecutivo após 17 meses de aumentos sucessivos da taxa de inflação.

Na zona euro, a inflação subjacente (sem energia nem alimentação) foi, em fevereiro, de 5,6%, tendo o aumento dos preços da componente de energia abrandado para os 13,7% (18,9% em janeiro e 32,0% em fevereiro de 2022) e os da alimentação, álcool e tabaco aceleraram para os 15,4%, que se compara com a taxa de 15,4% de janeiro e os 3,5% de fevereiro de 2022.

Entre os Estados-membros, a inflação homóloga medida pelo Índice Harmonizado dos Preços no Consumidor (IHPC – o indicador utilizado para comparações a nível europeu) recuou, face a janeiro, em 15 Estados-membros, manteve-se estável em dois e aumentou nos outros dez.

As menores taxas de inflação foram registadas no Luxemburgo (4,8%), Bélgica (5,4%) e Espanha (6,0%) e as mais altas na Hungria (25,8%), Letónia (20,1%) e República Checa (18,4%).

Em Portugal, a taxa de inflação anual, medida pelo IPHC, fixou-se nos 8,6%, estável face a janeiro e acima da de 4,4% de fevereiro de 2022.

- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Mais Populares