Em 5 Fevereiro, 2019 Por Em Caminha, Não Catalogada

Câmara de Caminha estabelece acordo para regularizar dívida de água no valor de 9,5 milhões de euros

O executivo Caminhense aprovou ontem, com as abstenções do PSD, o acordo de regularização de dívida com as Águas do Norte.

Ao todo são 9,5 milhões de euros de faturas atrasadas e juros que a Câmara de Caminha vai ter que pagar àquela empresa.

Em declarações à Rádio Caminha Miguel Alves, presidente do município Caminhense, explicou que o valor em causa diz respeito a faturas de água que desde 2005 não são pagas.

Miguel Alves explicou que este acordo é mais vantajoso do que aquele que foi estabelecido em 2017 uma vez que permite prolongar o prazo de pagamento diminuindo assim o valor das prestações.

Relativamente ao presente e ao futuro, o autarca lembra que foi necessário criar condições que permitam fornecer água em qualidade à população, medidas que o autarca considerou duras mas absolutamente necessárias para tornar o serviço sustentável.

Câmara de Caminha aprovou ontem em reunião de Câmara o acordo para regularização de dívida, no valor de 9,5 milhões de euros às Águas do Norte.

Acerca de

Cidália Aldeia

Chefe de Redação