16.4 C
Caminha Municipality
Terça-feira, 25 Junho, 2024
spot_img
InícioDistritoVila Nova de CerveiraVila Nova de Cerveira: FBAC promove “Dias Abertos no Museu Bienal de...

Vila Nova de Cerveira: FBAC promove “Dias Abertos no Museu Bienal de Cerveira” em maio e junho

No âmbito do 3º Ciclo de Exposições do Museu Bienal de Cerveira, a Fundação Bienal de Arte de Cerveira (FBAC) volta a promover “Dias Abertos no Museu” nos sábados 11 de maio e 1 de junho de 2024. O primeiro momento da programação arranca este sábado, com visitas orientadas às exposições pelas curadoras Helena Mendes Pereira e Elisa Noronha. A entrada é gratuita.

A iniciativa “Dias Abertos no Museu Bienal de Cerveira” apresenta-se como um programa de ativação de atividades paralelas às exposições patentes que decorre maioritariamente aos sábados. O objetivo consiste em trabalhar o diálogo com a comunidade, através da literacia pelas Artes, da mediação cultural e do contacto direto com os artistas.

“As edições dos Dias Abertos no Museu têm tido muito sucesso e participação por parte do público, pelo que queremos dar continuidade a esta iniciativa e proporcionar experiências de programação cultural multidisciplinares a quem nos visita”, explica o Presidente da FBAC, Rui Teixeira.

O primeiro Dia Aberto no Museu arrancará este sábado, 11 de maio, com visitas orientadas às exposições “É bonita a festa, pá!”, pela curadora Helena Mendes Pereira (Fórum Cultural de Cerveira) e “Volátil” conduzida pela curadora Elisa Noronha, na Galeria Bienal de Cerveira (Antigo Edifício dos Bombeiros).

Já na edição do dia 1 de junho (sábado) a FBAC propõe visitas orientadas às exposições “Livre trânsito_ciclo permanente de residências e intervenções artísticas”, pela curadora Mafalda Santos e “É bonita a festa, pá!” pela curadora Cristiana Tejo. No final será ainda apresentada a performance “Palha encantada: arqueologia de um espírito esquecido” de Paulo Pinto.

De referir que a participação no programa é gratuita, bem como o acesso aos espaços expositivos nos dias indicados. A FBAC integra a Rede Portuguesa de Arte Contemporânea e é uma estrutura financiada pela República Portuguesa – Cultura / Direção-Geral das Artes.

Programa “Dias Abertos no Museu Bienal de Cerveira”
Entrada livre

11 de maio (sábado)

15h00 – Visita orientada pela curadora Helena Mendes Pereira (PT) à exposição “É bonita a festa, pá!”
Local: Fórum Cultural de Cerveira

16h00 – Visita orientada pela curadora Elisa Noronha (BR/PT) à exposição “Volátil”
Novos olhares sobre a Coleção da FBAC – À Liberdade de Elisa Noronha
Local: Galeria Bienal de Cerveira (edifício dos antigos Bombeiros)

1 de junho (sábado)

15h00 – Visita orientada pela curadora Mafalda Santos (PT) à exposição “Livre trânsito_ciclo permanente de residências e intervenções artísticas”

15h30 – Visita orientada pela curadora Cristiana Tejo (BR) à exposição “É bonita a festa, pá!”

16h15 – “Palha encantada: arqueologia de um espírito esquecido” por Paulo Pinto (BR)

Local: Fórum Cultural de Cerveira
Duração: 30’

Sinopse: O latejar de uma memória ancestral, o performer procura as suas referências primeiras movimentando-se, entre realidade e ficção, instigado por uma antiga indumentária de trabalho rural lusitana. A palha, presente em rituais ordinários/numinosos de saberes/fazeres de culturas diversas, é um dispositivo de re/descobertas disparadas pelo “corparquivo” do artista, que pelos desvios da sobrevivência precisou abandonar a dança. A cartografia de dores e aleg(o)rias do chão dos afetos despertam um ser tão encantado, em outras margens/imagens. Ao balançar as deslembranças de uma nação fragmentada o corpo/veste desadormece daquilo que forçosamente foi destinado: o trabalho que aliena a festa. Entre a dança esquecida por um espírito e um corpo esquecido da dança a palha voa.

- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Mais Populares