20.1 C
Caminha Municipality
Terça-feira, 9 Agosto, 2022
spot_img
InícioNotíciasDistritoViana do Castelo: PSD quer esclarecimentos sobre anulação de concurso público para...

Viana do Castelo: PSD quer esclarecimentos sobre anulação de concurso público para diretor do Centro de Emprego e Formação Profissional

O presidente da concelhia de Viana do Castelo e da Assembleia Distrital do PSD Alto Minho, Eduardo Teixeira, quer um esclarecimento total sobre o concurso para o cargo de direção intermédia de 1º grau, de diretor do Centro de Emprego e Formação Profissional de Viana do Castelo da Delegação Regional do Norte do IEFP. É que o mesmo foi anulado “em virtude de se ter considerado que não seguiu as boas práticas aplicadas na Administração Pública” conforme consta num documento a que o PSD teve acesso.

“O que significa um concurso público não seguir as boas práticas da Administração Pública? O que se passou no concurso e o que está em causa nesta anulação?” questiona Eduardo Teixeira. O social-democrata lembra que “o concurso foi publicado em Diário da República a 12 de novembro e publicitado na Bolsa de Emprego Público, numa altura em que o Governo já estava em gestão e a Assembleia da República dissolvida devido às eleições legislativas”. “Foram feitas entrevistas aos candidatos e de repente tudo é anulado. É preciso um cabal esclarecimento se em causa está a falta de transparência no processo”.

Para além dos motivos, Eduardo Teixeira quer saber as consequências que esta anulação acarretará. “O atual diretor vai-se manter em funções depois de sob sua responsabilidade se ter efetuado um concurso que não seguiu as boas práticas da administração pública?”, questiona.

PSD quer esclarecimentos sobre anulação de concurso público para diretor do Centro de Emprego e Formação Profissional de Viana do Castelo

O presidente da concelhia de Viana do Castelo e da Assembleia Distrital do PSD Alto Minho, Eduardo Teixeira, quer um esclarecimento total sobre o concurso para o cargo de direção intermédia de 1º grau, de diretor do Centro de Emprego e Formação Profissional de Viana do Castelo da Delegação Regional do Norte do IEFP. É que o mesmo foi anulado “em virtude de se ter considerado que não seguiu as boas práticas aplicadas na Administração Pública” conforme consta num documento a que o PSD teve acesso.

“O que significa um concurso público não seguir as boas práticas da Administração Pública? O que se passou no concurso e o que está em causa nesta anulação?” questiona Eduardo Teixeira. O social-democrata lembra que “o concurso foi publicado em Diário da República a 12 de novembro e publicitado na Bolsa de Emprego Público, numa altura em que o Governo já estava em gestão e a Assembleia da República dissolvida devido às eleições legislativas”. “Foram feitas entrevistas aos candidatos e de repente tudo é anulado. É preciso um cabal esclarecimento se em causa está a falta de transparência no processo”.

Para além dos motivos, Eduardo Teixeira quer saber as consequências que esta anulação acarretará. “O atual diretor vai-se manter em funções depois de sob sua responsabilidade se ter efetuado um concurso que não seguiu as boas práticas da administração pública?”, questiona.

Cidália Aldeia
Cidália Aldeia
Chefe de Redação
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Mais Populares