19 C
Caminha Municipality
Sábado, 6 Junho, 2020
Início Distrito Caminha Caminha: Pequenos produtores voltaram à vila para venderem os seus produtos

Caminha: Pequenos produtores voltaram à vila para venderem os seus produtos

Depois de terem estado durante mais de dois meses sem vender os seus produtos e sem contatar com os clientes alguns de “toda uma de uma vida”, os pequenos produtores agrícolas do concelho regressaram hoje a Caminha para venderem os seus produtos.

Transferidos para um novo espaço, Largo Fetal Carneiro e Rua 16 de Setembro, com novas regras de distanciamento e obrigatoriedade de uso de máscara, há produtores que veem a a mudança com bons olhos, outros a quem a ideia não agrada e há quem prefira dar o benefício da dúvida e esperar para ver se o novo local resulta.

O jornal C foi esta manhã até ao mercado e falou com alguns destes pequenos produtores.

Das conversas que tivemos, foi possível constatar que as saudades já eram muitas. Saudades não só de ganhar algum dinheiro tão importante para o sustento das famílias, mas sobretudo pela tristeza que foi ver os produtos que a terra deu nos últimos dois meses, fruto de muito trabalho e dedicação, se estavam a estragar.

As saudades dos clientes também eram muitas.

O começo foi morno, a mudança de local e a falta de hábito por parte das pessoas em se deslocarem ao novo espaço não contribui para uma grande afluência de clientes, mas a maioria acredita que melhores dias virão.

“O importante foi podermos regressar”, sublinham.

98331060_2922538371134006_8550472222030954496_o

Benvinda Junior é de Lanhelas e vende na feira em Caminha há já alguns anos. Para esta produtora, regressar à feira foi uma das melhores notícias dos últimos tempos até porque, como confessou, as saudades já eram muitas.

Manuela Carvalho, natural de Sub Portela Viana do Castelo, também vende em Caminha há mais de 10 anos. Regressar foi muito bom mas tem algumas duvidas em relação à nova localização desta feira de produtos.

Para Maria Rosa de Vilarelho a mudança do local não foi uma boa opção

Em declarações ao Jornal C, Miguel Alves, Presidente da Câmara de Caminha, explicou que esta mudança de local era necessária face às novas regras de distanciamentos não só da feira semanal que arranca na próxima semana, mas também por causa do acesso ao mercado que devido à Covid 19, obedece agora novas regras.

O autarca, que teve oportunidade de falar com os produtores esta manhã e perceber os seus receios, considera que e preciso dar o beneficio da dúvida para ver se as coisas correm bem. Se isso não acontecer, Miguel Alves não exclui a possibilidade de escolher outro local.

Produtores locais regressaram hoje ao mercado de rua para venderem os seus produtos, amanhã será a vez de Vila Praia de Âncora.

99003988_2922536381134205_2444016771460497408_o98453759_2922536591134184_4963466818044821504_o

 

Cidália Aldeia
Cidália Aldeia
Chefe de Redação
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Populares

VIana do Castelo: Voto de Congratulação pela elevação do Templo de Santa Luzia a Santuário

O executivo da Câmara Municipal de Viana do Castelo aprovou, por unanimidade, um Voto de Congratulação pela elevação do Templo de Santa Luzia a...

Caminha: Teatro Valadares reabre a 20 de junho com “Festival Regresso ao Futuro”

Caminha junta-se a mais 20 locais por todo o país, abrindo as portas do Valadares, Teatro Municipal ao Festival Regresso ao Futuro. Por cá,...

Covid 19: Concelho de Caminha já só tem um caso ativo de doença

O Concelho de Caminha já só tem um caso ativo de Covid 19. A informação da ULSAM, foi confirmada ao Jornal C pelo presidente...

Viana do Castelo: Exército começou a vigiar Serra de Santa Luzia a 1 de junho

Os militares do Exército começaram a vigiar a Serra de Santa Luzia no dia 1 de junho. Este ano, a Câmara Municipal de Viana...