15.6 C
Caminha Municipality
Sábado, 15 Agosto, 2020
Início Notícias Distrito Viana do Castelo: PricewaterhouseCoopers distingue Fundação Gil Eannes

Viana do Castelo: PricewaterhouseCoopers distingue Fundação Gil Eannes

A PwC – PricewaterhouseCoopers distinguiu a Fundação Gil Eannes com o prémio Identitas Mare, durante o webinar Excellens Mare, que decorreu este fim-de-semana, a partir de Viana do Castelo.

O Prémio Identitas Mare tem como objetivo reconhecer a excelência e o mérito de pessoas ou entidades que utilizam as temáticas do meio aquático como recurso essencial e meio inspirador das suas produções de arte e cultura, desde a música, escultura, pintura, escrita, fotografia, cinema, bem como outros projetos que promovam a cultura marítima.

Recorde-se que Viana do Castelo seria a anfitriã da Gala Excellens Mare, organizada pela PwC Portugal, que teve de ser adiada devido aos constrangimentos relacionados com a pandemia, mas acolheu este sábado uma sessão on-line que visou reconhecer o mérito nas atividades do mar e dos rios enquanto fundamentais para o recomeço de um novo ciclo de desenvolvimento sustentável.

O encontro digital contou com a presença do Presidente da Câmara Municipal de Viana do Castelo e com o Júri Excellens Mare, que estiveram à conversa com líderes da economia azul de todo o mundo, partilhando as suas experiências e visões de futuro.

Gerido pela Fundação Gil Eannes, o navio Gil Eannes, fundeado há 22 anos na antiga doca comercial de Viana do Castelo com funções de museu, atingiu recentemente o visitante um milhão.

O Navio Hospital Gil Eannes, construído em Viana do Castelo nos Estaleiros Navais de Viana do Castelo, iniciou a sua atividade como hospital em 1955, apoiando durante décadas a frota bacalhoeira portuguesa que atuava nos bancos da Terra Nova e Gronelândia. Desativada a frota bacalhoeira, ficou a apodrecer nas docas de Lisboa, durante muitos anos.

Em 1998, a Fundação Gil Eannes, considerando-o património cultural e afetivo da cidade, resgatou-o da sucata por cerca de 250 mil euros, após uma inédita campanha que envolveu todos os estratos sociais vianenses. A 31 de janeiro de 1998 foi recebido festivamente na Foz do Lima onde, depois de limpo e restaurado, foi aberto ao público, assumindo-se como polo de atratividade para Viana do Castelo.

Desde que o Navio Gil Eannes foi colocado em exposição na antiga doca comercial de Viana do Castelo, a Fundação Gil Eannes tem tido como objetivo transformar o navio num espaço museológico, contribuindo deste modo para o desenvolvimento cultural, turístico e científico, especialmente em áreas relacionadas com o mar.

Assim, ao longo destes anos várias obras de reabilitação e restauro têm sido feitas, proporcionando aos visitantes o contato com os diversos espaços característicos de uma embarcação, como a ponte de comando, casa das máquinas, cozinha, padaria e diversos camarotes, bem como os espaços que integram a zona hospitalar o consultório médico, sala de tratamentos, gabinete de radiologia, enfermarias e bloco operatório, permitindo assim que o visitante adquira um pouco da história do navio hospital e da pesca do bacalhau que se fazia nos mares da Terra Nova e Gronelândia.

Cidália Aldeia
Cidália Aldeia
Chefe de Redação
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Populares

Caminha: Concelho com um caso ativo de Covid 19 segundo a ULSAM

Depois de uns dias a zero, o concelho de Caminha voltou hoje a registar um novo caso de Covid 19 segundo o boletim epidemiológico...

Viana do Castelo: Retoma do funcionamento do comboio “Celta” é boa notícia para o turismo e setor empresarial

O Presidente da Câmara Municipal de Viana do Castelo acredita que a retoma do funcionamento do comboio Celta, que faz a ligação entre o...

Apresentação do livro “BIENAL DE CERVEIRA (1978-2007) – Memória e Singularidade”, dia 22 de Agosto no Auditório do Fórum Cultural de Cerveira

No próximo dia 22 de agosto (sábado), às 18h00, a XXI Bienal Internacional de Arte de Cerveira acolhe a apresentação do livro “BIENAL DE...

Covid19: Mais dois mortos e 235 novos casos em Portugal

O número de casos confirmados de infeção pelo novo coronavírus (COVID-19) subiu de 53.548 para 53.783, e o número de óbitos passou de 1.770 para 1.772,...