Em 12 Janeiro, 2018 Por Em Arcos de Valdevez

“Arcos à Mesa” – Município promove Ciclos Gastronómicos ao longo do ano

A Câmara Municipal tem vindo a realizar há já alguns anos a iniciativa Arcos à Mesa, através da qual tem dado grande destaque à gastronomia, bem como à oferta turística existente no concelho.

Estes “Ciclos Gastronómicos” decorrem ao longo do ano e são uma mostra da excelente gastronomia e qualidade dos restaurantes. As especialidades típicas que promovem são: carne cachena com arroz de feijão tarrestre, o cabritinho mamão da serra, o bacalhau à lavrador, o cozido à minhota, o arroz pica no chão, entre outros petiscos caraterísticos.

Arcos de Valdevez é um assombro de paladares e tudo se reúne para uma experiencia gastronómica inigualável, regada com um bom e único vinho verde da casta vinhão.
Para sobremesa não pode faltar o delicioso Bolo de Discos, os fantásticos “Charutos dos Arcos” com laranja de Ermelo, e, claro os “Rebuçados dos Arcos”, verdadeiro ex-libris doce do concelho.
Estas iniciativas contribuem para a salvaguarda de uma valiosa herança cultural e gastronómica, deixada pelos nossos antepassados, como também são uma excelente forma de dinamizar o turismo, a restauração e o comércio no Concelho.

Cada iniciativa do Arcos à Mesa conta com um programa de animação que engloba a realização de uma “Feira de Artesanato e Mercado de Sabores”, a realização de trilhos, visitas guiadas à Porta do Mezio e ao Paço de Giela, bem como programas de animação musical.

Através destas iniciativas pretende-se dar a conhecer melhor o concelho, o qual é possuidor de enormes atrativos turísticos, desde logo porque faz parte do Parque Nacional Peneda-Gerês, Reserva Mundial da Biosfera. É nele que está Sistelo, uma das 7 Maravilhas Aldeias e cuja paisagem foi recentemente classificada como monumento nacional, a primeira do país a obter este reconhecimento; o Soajo, com a sua Eira comunitária dos espigueiros, classificada como Imóvel de Interesse Público; o Paço de Giela,  considerado um dos mais importantes Monumentos Nacionais, assim classificado em 1910; uma ecovia de grande beleza, entre outros locais dignos de visitação.

O próximo ciclo terá lugar no fim de semana de 27 e 28 de Janeiro e trará à mesa dos comensais o afamado Cozido à Moda dos Arcos.

Acerca de

Rui Lopes