Em 9 Outubro, 2019 Por Em Caminha

Albergue de peregrinos em Seixas à espera de uma licença para poder abrir portas

Está pronto para abrir portas o albergue de peregrinos criado na freguesia de Seixas nas antigas instalações do Lar de Terceira Idadedo Centro de Bem Estar Social de Seixas

e onde também funcionou durante 18 anos o CAT Benjamim, estrutura pertencente à APPACDM e entretanto extinto.

Neste momento só falta mesmo a emissão de uma licença por parte da Câmara de Caminha para que a nova estrutura possa abrir portas e receber os peregrinos que se dirigem para Santiago de Compostela.

Este foi um dos assuntos abordados pelo presidente da Direção do CBSS, Manuel Vilares, no decorrer da última reunião de Câmara descentralizada que teve lugar na freguesia de Seixas.

O presidente da instituição começou por justificar a opção de transformar o edifício num albergue para peregrinos.

Com as obras concluídas, o albergue, com qualidade e onde foram investidos cerca de 50 mil euros terá capacidade para receber 40 peregrinos.

Manuel Vilares acredita que a nova estrutura trará muitas vantagens para Seixas.

Mas para que o albergue possa abrir portas falta a licença de habitação que, embora não sendo obrigatória para edifícios anteriores a 1951, a direção do CBS não dispensa.

Da parte da Câmara de Caminha ficou o compromisso de agilizar o processo com vista à emissão da respetiva licença sem que seja necessário elaborar um projeto que custaria à instituição entre 8 a 9 mil euros.

Acerca de

Cidália Aldeia

Chefe de Redação